'Para Lisa'

E quem se abre facilmente
acaba enganando a gente
e quem berra constantemente
destrói por completo o ambiente


Não importa mais se é dia de guerra
não fazem a menor questão se já raiou o sol
estão ai soltos...
como famintos e ferozes leões que rugem sem cessar


Gritam tão alto,que ecoa dentro de nós 
e cada vez mais intenso são os gritos
nada de sussurros ou carinhos
apenas uma frieza e um desprezo sombrio


Já não existem regras
tornou-se novamente uma ditadura
e se você não obedece,desfalece por completo
e se não se sustenta,perde o equilíbrio,pisam mais ainda em você


É preciso mais que cautela e silêncio
é preciso saber guardar segredo
saber guardar as emoções,não deixar transparecer cansaço
apenas seguir a diante...


(Raquel Schuindt)



Alvo bloqueado...

Porque é assim?
A gente tenta dar o primeiro passo
mas toda vez que essa idéia surge na cabeça
é como se o filme voltasse todo pra trás


Não dá vontade de andar,muito menos de correr
o que você sente paralisa totalmente as suas ações e emoções
por mais que você tente explicar não tem como
é um bloqueio mais forte do que o seu querer


e dói viu...dói não saber explicar o que sente
uma angústia,um clamor,uma súplica
mas tudo é feito em silêncio...
não tem como expressar absolutamente nada


só o cansaço interminável,a dor inevitável
e mesmo assim,nem esses conseguem ser bem entendidos
Não é que você queira que entendam
na verdade,nem você sabe ao certo o que quer


E mais uma vez,por não saber,não decidir
se encontra de novo em companhia
ai está ela,sua fiel companheira: solidão
a mais fria e sombria amiga,aquela que não te despreza


sem o menor pudor ela surge
não quer saber se você não a chamou
ela simplesmente invade e é assim
não quer saber quem a convidou


e isso é tudo o que tem
tudo o que consegue sentir
algo sem gosto,sem som,até sem cor
algo difícil até de engolir


(Raquel Schuindt)



0

Novas inspirações...

Aviso do monólogo:Aproveitarei esse feriado para renovar minhas inspirações...buscas sentimentos novos,aflorar sensações ainda não vividas,só pensadas...

Aproveite você também esse feriado,pra tirar uns dias para se conhecer melhor,para amar as pessoas que realmente são importantes na sua vida!Esqueça os dias nublados e aproveite esses maravilhosos dias de sol que virão por aí...



BOM FERIADÃO!!!Até quarta!!!
                                                                (Raquel Schuindt)

É sol...deixa eu dançar!

O sol se abriu,meu riso surgiu
com gosto,com música e até mesmo com dança
Essa dança eu curto,essa eu me embalo
e remexo tudo que há pra quebrar


Falta um gás na vida
aquele quesito,o mais importante
a felicidade, a mais transbordante
e quem se importará com lágrimas agora?


Ah,não me leve a mal
Hoje eu  só quero dançar e sorrir
Dj não mude a música
quero que ela dure e perdure infinitamente


Tão bom saber o acorde
encontrar a melhor melodia
aquela que vai lá na alma
sem sombra,sem morte,sem dor,sem melancolia


Então deixa eu dançar
deixa eu sorrir até me cansar
e será que me canso?
Tanto tempo sem ter esse balanço...


(Raquel Schuindt)











0

É preciso...


É preciso mais coragem que o normal
mais força do que achava que tinha
Mais audácia e menos vergonha
mas além de tudo é preciso amor próprio


Para reconhecer que esse é o limite
Pra poder mostrar os pés cansados
as mãos calejadas,as cicatrizes do corpo
e o basta que arde dentro dos olhos


É preciso muito mais que compreensão ou "camaradagem"
Não é só isso que se precisa nesses tempos
É preciso muito mais...é preciso ir além
Além de vontades,ações e pensamentos


É preciso mais motivos do que vontades
mais ações do que sonhos
e nisso tudo,eu só percebo o que é preciso
por mais que queira,ainda sei que é preciso mais


É preciso um esforço tamanho em persistir
em acreditar,em saber que o que devemos é prosseguir
é preciso sonhar sim,mas quando eles não se realizam
é preciso se preocupar mais com a realidade


É preciso abrir um sorriso, derramar lágrimas
tudo tem o seu tempo correto,com precisão
É preciso esperar,aguardar aquela oportunidade
para que tudo que precisei viver até agora,não seja preciso novamente.


(Raquel Schuindt)







4

É o que dá...

Dá uma vontade de abraçar
só pra se sentir mais protegida
escutar o coração batendo aos poucos
ou quem sabe bater acelerado


Dá uma sensação de paz
de querer bem para sempre
de saber que vai estar por perto
que não importa se é dia ou noite


Dá uma alegria tão grande,mas tão grande
que tudo que está em volta fica pequeno
e por minutos que mais parecem eternidade
nada mais tem sentido além do que vivemos


Dá um frio na barriga,uma vontade de correr
de sorrir muito,sem parar,seja pra quem for
uma vontade de gritar pra todo mundo ouvir
para todo mundo sentir e entender o que é


Dá uma vontade enorme de misturar tudo isso
e ver no que vai dar
mas ao mesmo tempo que dá essa vontade
dá um medo de arriscar...


(Raquel Schuindt)






Dona moça



Ai dona moça,me deixa sentar aqui?
me deixa ficar pertinho
quem sabe você possa me ouvir
escutar o meu coração...


Ele quer falar por horas e horas
ai dona moça,me deixe desabafar
são tantas as voltas que esse mundo dá
e eu já não consigo entender onde esse enredo termina


Bom mesmo é ficar por aqui,né?
Sentada,acompanhando essa correnteza
mas de longe,sem precisar se molhar
só escutando o som calminho,calminho que ela tem


Ah dona moça quanta paz você encontra
e como consegue?Me ensina o segredo?
Já se foram os meus dias assim
e agora oque eu quero é ficar aqui


Como você,dona moça...
que paira no ar,sente a brisa tocar
sente o aquecer do sol no coração
ah dona moça,me ensina a canção?


(Raquel Schuindt)









3

A ausência mais presente



Não dá pra ter inspiração nessas circunstâncias
perde-se o brilho do dia,as cores
e até mesmo o perfume das flores
e ninguém sabe ao certo o porque

Mas o que cabia aqui dentro do peito
foi arrancado repentinamente
e ninguém,ninguém foi capaz de perceber
como podem observar alguém e não captar a ausência da vida?

Sem brilho,sem cor,sem riso
alguém que pulava e cantava
alguém que sabia exatamente desfrutar do tal brilho
e agora carrega cinzas dentro da alma

Não por um fato da vida
mas pela ausência dos fatos
e ausência tem sido tudo de mais presente que há aqui
e como dói compartilhar dessa companhia

Tão fria,azeda
em alguns momentos causa até calafrios
e gruda de uma forma,que todo esforço em soltá-la é em vão
e por onde anda a vida?

Embora as perguntas sejam frequentes 
as respostas são totalmente ausentes
e por mais que eu tente,pense que isso acabou
não...ainda não consegui me encontrar

(Raquel Schuindt)





Cuidado...

Nem tudo o que penso consigo falar
nem tudo que sinto conseguem notar
eu sou mais do que essas palavras
isso aqui é apenas a metade do que vem no meu coração


e nem sempre o que exponho é real
a maioria é transmitida pelos meus sonhos
sonhos esses que por muitos anos foram guardados aqui,dentro de mim
e porque insistem tanto em julgar aquilo que penso?


O tamanho da dor e da felicidade de cada um
é exatamente de cada um,
ninguém tem o direito te tentar viver aquilo que não sabe
muito menos de deduzir algo que não acredita


por tanto,respeite mais os sentimentos humanos
e não saia por ai ferindo uns e outros com suas deduções
vale mais a pena pensar,antes de falar
e o que não vale a pena,guarde pra você


(Raquel Schuindt)

2

Suspiros...

Faz dengo e tem charme no olhar
aquele sorriso é capaz de iluminar tudo que está por perto
e quando se aproxima ,consegue sondar o que diz meu coração
de um jeito inexplicável e eu me rendo sem perceber

Pareço boba, infantil talvez
Mas perco a noção das atitudes
Fico tensa,sem graça,totalmente sem jeito
com medo, vergonha,vai muito além da timidez

E os mistérios que tem,esses me fascinam!
Aumentam a vontade de querer estar ali, juntinho
E enquanto todos zombam do seu jeito de ser...
eu só suspiro!

O tempo vai passando e eu nem percebo
o que domina minha atenção são seus olhos
e todo aquele brilho no olhar
ah, como é bom admirar tudo isso!

Mesmo que seja ali, no meu cantinho
em silêncio, em secreto
por mais que o meu coração esteja gritando
minha razão o sufoca, para que ninguém perceba

E assim passo despercebida
e tudo o que eu sinto fica aqui dentro,trancado
Não permito que venha á tona
Prefiro manter sufocado

(Raquel Schuindt)
2

Sabe?!?

Sabe quando você quer falar
Mas fica preso meio que um nó na garganta?
Sabe quando você se entrega com o próprio olhar
E a pessoa faz de conta que nem percebe?

E mesmo assim você continua suspirando
Continua sonhando e sei lá...imaginando!
Sabe quando tudo acontece e você não consegue explicar
E ao mesmo tempo,procura um jeito de tirar essa idéia da cabeça?

Mas quem disse que é lá que ela se encontra?
E onde ela está afinal?
Parece que já tomou conta do meu corpo e pensamentos
Como um vírus que se espalha rapidamente

E nessa hora,quem é que sabe o que vai acontecer?
Quem tem a coragem e a audácia de mandar isso partir?
E mesmo que tenha,eu nunca vi um sentimento desses obedecer certas razões
Ou até mesmo certas 'donas da verdade'

E ai?quem sabe o que eu faço agora?
Dá muita vontade de abrir o coração
Mas da forma mais pura que eu consigo fazer
E quem disse que a coragem deixa?

Quem sabe o que eu sinto?quem consegue me entender?
E pior que isso,quem sabe se isso passa?
A verdade é que por mim,pelo impulso,pelo sentimento eu faria tudo agora
Mas não dá,não sei porque,não dá pra explicar,sabe?!?

(Raquel Schuindt)
3

Ferocidade materna



Um sentimento novo
e lindo e puro
sim foi tudo isso que eu descobri
além de tudo eu renasci


Mais que mulher agora eu sou
se não sabia o que era ser forte
hoje sei mais do que nunca
tenho a força do amor em mim


e me retrato em sonhos e atitudes que vivo,
que sinto,pois sei que sou amada
mais do que saber é sentir
e muito melhor do que sentir e ser é ter!


Tenho o amor em mim
de todas as formas gêneros e tudo mais que me é permitido aqui
dentro do meu universo,hoje não mais particular
pois o que carrego entre os braços me faz ser ainda mais feroz


aquele que eu posso aconchegar em meus seios
aquieta e acalma o meu coração
traz o tão sonhado refrigério que outrora pedia ao Criador
e que divina criação Ele me deu


meu leãozinho,que enquanto não fala meu nome, ruge!
Ruge com toda a força e antes mesmo dele começar
sim,eu posso sentir!
pois aprendi a estar sensível ao amor


e que belo amor eu encontrei
que sonhos tenho compartilhado
antes apenas com a caneta e a folha na mão
sem alguma sombra de inspiração


Nasce em mim toda a ilustração
com as mais belas cores e formas que um dia pensei em desenhar
e o melhor de tudo é poder saber que é agora
que a história vai começar...


(Raquel Schuindt - uma homenagem para Roberta e Vinícius)



0

Menino,menino...


                                                                              Ilustração Thais Fontes


Cansado menino?Por onde tem andado?
Diga-me qual o caminho triste 
Me afastarei dessa trilha pesada
Tão longa e dura que vejo o cansaço em teus ombros

Fardos tão pesados tem carregado menino
e aquele brilho tão lindo que víamos no seu olhar?
E aquela energia de correr,pular,brincar
Pra onde foi tudo isso menino?

Vem aqui,chega mais
eu quero poder te abraçar
Não se assuste,não se preocupe
Nem tudo dura pra sempre

Momentos difíceis menino,todos nós temos
e quando eles forem embora
você volta a sorrir
volta também a brincar,a pular por aí...

Ah,meu doce menino!
Tão meigo,forte e amigo
Como podes ter ficado desse jeito
Quem é o culpado afinal?

Pare um minuto menino
escute o que o vento tem a dizer
tão sereno,tão calmo,tão pacífico
ele só quer dançar com você

Então não se acanhe menino
Se embale nessa 'calmaria'
Esquece esse medo menino
E por um instante,sorria!


(Raquel Schuindt)



0

Deixa


Deixa eu gostar de alguém...
deixa o meu sorriso brilhar
deixa eu querer te abraçar
e poder suspirar e suspirar


Deixa eu ouvir sua voz
deixa eu sentir teu carinho
deixa eu poder te abraçar
e não mais me sentir sozinho


Deixa eu amar você
assim,desse jeito que és
Deixa eu me irritar
por me confundir tanto com o que isso vai dar


Deixa eu sonhar com a gente
Da forma que eu escolhi para ser feliz
Deixa o tempo passar
e o meu sentimento só aumentar...


Deixa tudo isso acontecer
Deixo até você perceber
Só não deixa isso acabar
Não deixa esse tempo parar!


(Raquel Schuindt)



0

A menina

E a menina cantava,dançava
Sorria sem parar
Era feliz naquele mundinho
Nada a impedia de ser aquilo que o seu coração dizia


E como ele batia e como ele a fazia suspirar!
Nada poderia deixá-la triste
sabia que em cada manhã
um novo arco-íris surgiria


E novas flores perfumadas apareceriam
muitas sem espinhos,de espécie rara
Por isso ela fazia tanta questão de buscá-las
Sabia do valor de cada uma,eram mais que especiais


E o vilarejo então?Nossa...
nunca vi tamanha união
ali todos eram cúmplices
Dedicados,atenciosos


Nossa,como era bom estar ali
Como valia a pena acordar e viver!
Sim,todos podiam viver como desejavam ali
Podiam ser quem sempre sonharam


E a menina,era simplesmente feliz
tão feliz,mas tão feliz que não pensava em mais nada
até que de repente...

...o quê?Como?Onde estou? É menina...agora tu 
acordara!


(Raquel Schuindt)



Jogando a toalha

Cansei....literalmente cansei
dos abraços encenados,dos beijos associados ao de Judas
cansei de falsos amigos,que dizem sentir saudade,que dizem se importar
mas se você não procura,ninguém procurará


Cansei de ouvir palavras bonitas
Pessoas que dizem por ai que são exemplos
e quando você mais precisa,quando pede-se ajuda
o silêncio continua a ser o seu melhor amigo,o seu maior exemplo


Cansei de falsos amores,de gente que te promete o céu
e que na verdade,te dá o inferno!
Cansei,cansei de me iludir
de me atrair por pessoas que não valem a pena


e isso serve para o quadro geral
não é para uma determinada área,um determinado momento
Isso serve para a vida no sentido total que ela engloba
e quem irá se importar no que ela envolve?


A verdade é que cansa,cansa até se cansar
desânimo e insatisfação são tudo o que restou
de um tempo que nunca vem
de pessoas que eu quero cada dia mais distância


Pessoas nojentas,que se envolvem somente para saber sobre você
e informar por ai,seja a quem for e por qual razão que seja também
Disso eu cansei,desse tempo,do hoje,do que vivo
Cansei...e quero distância!


Cansei de saber,que ainda vai ter gente
que vai abrir um sorriso ao ler isso
com ar de vingancinha,de medíocridade
ou de pura inveja talvez


Me cansa,saber que o mundo está assim
me enoja,ter que conviver com certos olhos
olhos que me provocam vômito
e que provocam decepções...por isso eu cansei


(Raquel Schuindt)







0

Sem título,sem foco,sem tema...sem nada!


Os gritos que ficam guardados
Os 'porquês' não revelados
As angústias aprisionadas
e os gritos...que berram dentro da alma

Cada escândalo não dado,
de dor,de tristeza,de simplesmente não aguentar mais
não aguentar justamente o nada!
e esperar o nada é o que mais dói...

O nada,a incerteza,ou o sei lá
Do que me adianta tentar perceber
tentar desvendar o que acontece
enquanto a minha alma só padece

não cresce,não evolui,regride
e entra em conflitos
existenciais e todos os outros "ais" que se pode entender
e como dói,ai!

Já não se entende o que é risada
não se distingue o que é dor e o que é alegria
porque a felicidade aparece fria
congelada,estagnada e não se permite vibrar

É,realmente é uma pena
tenho estado ignorante
me sinto tão pequena
e ao mesmo tempo,sinto-me vazia

Travada,impedida de voar
aprisionada em mim mesma
sem criar e ter expectativas
esperanças de me libertar

De poder reviver aquilo que na verdade 
eu nunca me permiti
Ou que nunca me permitiram
vá lá enteder...não tem como saber

Garganta inflamada...
Infecções criadas por nós
as inflamações são mentais
psicológicas,ou vindas de um sonho

Talvez um sonho de terror
Já não sei mais o que é um bom sonho
aqueles com finais felizes
em que tudo e todos ficam bem para sempre

Francamente,onde está a beleza dos sonhos?
Onde enfiaram a minha boa imaginação?
São tantas as perguntas eu sei,
acabo me perdendo e novamente saio em busca de quem sou

E mais do que isso,
preciso me encontrar
Antes que seja tarde demais
Talvez não haja tempo para esse encontro

Ah,mas como eu gostaria
como voaria,como sorriria
como dançaria,como feliz seria!
Seria...palavra chata,que incomoda

Incomoda meus ouvidos,
atrapalha meus sonhos
bloqueia meus sonhos
Já não sei quem sou,mas sim como bela eu seria....

(Raquel Schuindt)

Anjo que voa depressa

                                               (ilustrações Thais Fontes )




Anjo que voa depressa
Anjo que mora no alto
Tão longe,distante,peço que olhe por mim
Olhe para o meu coração


Machucado,triste,ferido
quem sabe até anda abatido
Peço que cuide bem dele
a vida não foi muito boa


O tem transformado em pedaços
e muitos dele já não se encaixam mais
esfarelou-se por ai
Não suportou passar por climas tão distintos


Anjo que voa depressa
pare ao menos 1 segundo pra me ouvir
tem tanta coisa engasgada por dentro
que aos poucos já está refletindo


Refletindo por todo o meu semblante
Ah doce anjo que voa depressa
não sei mais se a minha hora é essa
o tempo conspira contra mim


e agora meu anjo,doce anjo?
Olha quanta ironia me assombra
você ai voando depressa sem tempo para me ouvir
e eu aqui com tempo de sobra,te esperando


Anjo que voa depressa
Me abrace com suas asas
me leve para o mais alto que puder
Já não me interessa mais permanecer nesse lugar


Anjo que voa depressa
Conversar com você é o que me interessa
Dançar nas nuvens é o que me resta
e é o que eu mais quero e preciso...anjo que voa depressa


(Raquel Schuindt)

Eu mesma...

Eu fui eu mesma,
o tempo todo
Em cada instante
em cada sorriso

Em cada choro
em cada grito,
cada gargalhada
cada lágrima

Cada olhar
cada afago
cada abraço
cada carinho

em cada minuto,
eu fui eu mesma
sem medo,
sem dó nem piedade

Sem guardar segredo
com muita autenticidade
eu fui eu mesma
o tempo todo
e continuo sendo

Não adianta,é o meu jeito
Fingir,atuar,iludir,enganar
Não!Eu não sou assim!

Eu sou eu mesma
forte e frágil
alegre e triste
constante e instável

Alguém disposta a crescer
e vencer,mas lutando
com armas limpas 
e é assim que eu vou vivendo
e sendo,apenas eu mesma...


(Raquel Schuindt)

Quem?

       
  Vontade de falar "Oi",de pedir que perguntem sobre o seu dia,de abraçar,de apenas escutar se está tudo bem...não consigo entender como conseguem,agem com tal frieza e naturalidade,como se nada tivesse acontecido,é...realmente,talvez não tenha mesmo acontecido.Eu é que devo estar confabulando demais comigo mesma sem querer...Porque se for falar de querer...o que eu queria era muito,mas muito mais!Não de diversidades,coisas novas,mas queria mais intensidade nos detalhes,naquilo  que hoje passa despercebido,o que não atrai olhares,é disso que eu sinto falta e cada dia mais eu sinto falta.
  Sinto falta de ouvir um "Olá" ou um "Como você está?Como foi o seu dia?Está tudo bem?" Três frases mágicas,capazes de atrair e resgatar o elo entre duas pessoas e eu nem digo sentimentalmente não, por incrível que pareça,a necessidade aqui é fraterna,é do famoso e querido "ombro amigo",daquelas pessoas que outrora você vivia se importando,se preocupando,achando que era algo sólido que havia entre vocês,era sim amor,mas um amor de amigo,de irmão,aquele amor de camaradagem.E isso,isso não existe mais...E dói viu?!?E como dói!E o pior de tudo e perceber que só quem sente essa dor é você,quem deveria se importar,já passa a te tratar como opção,com frieza e até uma certa rispidez.E porquê? Como pode ser assim?Mudar tanto de um momento para o outro?Logo agora,quando mais se precisa dos ombros,sim aqueles velhos e aconchegantes ombros...Eles já não estão mais lá,agora é só você e a solidão.
   
(Raquel Schuindt)
0

?


O que agoniza tanto a alma
que bate lá dentro,tão forte e faz doer?
Porque essa coisas  vão e voltam 
como um ioiô que ninguém mais quer usar?


Da onde aparecem pessoas inúteis 
Só pra piorar o que você não quer mais pensar?
E quando esse tempo,que demora e se arrasta
vai perceber que já não tem mais nenhuma graça?


Ninguém quer entender mais o outro
preferem mostrar o quanto são melhores que estes
e são mesmo?E se são,pra que piorar quem já não precisa?
Pra que pisar em quem já está massacrado no chão?


Quantas questões as pessoas levantam em cima de outras que até hoje
ninguém conseguiu responder...
e pra que pensar mais?Se tudo o que eu penso já me faz explodir
parece que a cada dia nascem comigo mais dúvidas,mais mistérios


e mesmo sem eu querer eles aparecem
Percorrem a mente,os sonhos,os planos,o coração
percorrem aonde eu nunca pensei que pudesse ser invadida
não me permitem gritar,me amordaçam,me enlouquecem de vez!


E gritar?Já não consigo!Pois como falei
sou amordaçada,afrontada e pressionada em cada parede oculta
que eu já nem sei mais de onde estas brotam
são estilo camaleão,absorvem o ambiente e ninguém sente...


(Raquel Schuindt)
2

O tão famoso suco de pepino

Pessoal!!Aqui estou eu mais uma vez!!Dessa vez meu 'post' será um pouco diferente!Devido a enooooorme procura de algumas pessoas que leêm meu twitter e que também me veêm comentando em sites de relacionamento sobre a minha obsessão pelo suco de pepino,hoje eu resolvi falar sobre ele!!
Quem me apresentou esse suco foi minha amiga  Tatiana,ela costumava tomar sempre e eu,no meu desespero total de sempre por tentar emagrecer resolvi começar a tomar!
Gente,sinceramente,não acho que o suco é a SOLUÇÃO dos meus problemas,mas que ele ajuda,ah!Isso ajuda!Então aqui vai a receita que eu uso:

Suco de Pepino:
1 Pepino médio a grande com casca e tudo
1 pacote de Clight da sua preferência (eu uso o de chá de pêssego,ou o de limão e o de uva)
1l a 2l de água(geralmente eu uso 2l)
Bata tuuudo no liquidificador e depois coe por diversas vezes,até ficar limpinho

Pronto!É isso!Ah,e prepare-se para ir ao banheiro com uma vontade louca de fazer xixi a todo o momento.Pra você que não acredita no poder que o pepino tem,aqui vão umas dicas:

Valor nutricional do Pepino

Curiosidades:
O pepino é originário das regiões montanhosas da Índia e apropriado para o plantio em regiões tropicais e temperadas. Tem sido cultivado desde a Antiguidade na Ásia, África e Europa. Foi trazido para a América por Cristóvão Colombo.A espécie apresenta grande variação,entre os inúmeros cultivares, quanto a tamanho, forma, cor dos frutos, sabor e características vegetativas.O pepino é um ótimo tônico para o fígado, rins, visícula e dá força aos cabelos e unhas, pelo seu alto teor de sílica e flúor. Seu suco é utilizado nas inflamações do tubo digestivo e da bexiga.O pepino tem também ação purificante e serve para eliminar a gordura da pele.Ele deve ser consumido sempre com casca (bem lavado), pois é nela que se encontram substâncias que o tornam de fácil digestão.Além disso, o pepino é um diurético natural e de grande ajuda na dissolução de cálculos renais.É rico em potássio, o “mineral da juventude”, que proporciona flexibilidade aos músculos e dá elasticidade às células que compõem a pele. Isso resulta em rejuvenescimento da epiderme e do rosto.

Tabela Nutricional

Pepino cru

Quantidade100 gramas
Água (%)96,8
Calorias (Kcal)10
Proteína (g)0,9
Carboidrato (g)2,0
Fibra Alimentar (g)1,1
Colesterol (mg)n/a
Lipídios (g)traços
Ácido Graxo Saturado (g)n/a
Ácido Graxo Mono insaturado (g)n/a
Ácido Graxo Poli insaturado (g)n/a
Cálcio (mg)10
Fósforo (mg)12
Ferro (mg)0,1
Potássio (mg)154
Sódio (mg)traços
Vitamina B1 (mg)traços
Vitamina b2 (mg)0,03
Vitamina B6 (mg)traços
Vitamina B3 (mg)*
Vitamina C (mg)5,0


Fonte: informacaonutricional

Berm pessoal,é isso!Espero ter sido útil!E a vocês que ainda não tem coragem eu insisto que tomem,vão se surpreender porque ele é delicioso!!

(Raquel Schuindt)

1° Selinho do RAQUELSCHUINDT


E o blog acaba de ganhar seu primeiro selinho!!Nossa,eu confesso que não fazia idéia que tinha essa tal 'premiação de qualidade' por aqui e fiquei muito feliz quando vi que o blog da minha amiga Rebeca (o blog mulher que pariu) tinha ganho seu primeiro selinho.Afinal,quem já viu o blog sabe que merece e muito!Ela dá várias dicas para as mamães,conta todos os momentos mega importantes do seu filho lindão,o Gui!!E quero aproveitar e dar o segundo selo para o 'mulherquepariu'

Procurei o selo que mais combinava com o www.mulherquepariu.blogspot.com e esse é o mais perfeito!!
Babo com tudo oque ela escreve,com tudo o que ela consegue transmitir ali pra todo mundo,até pra quem ainda não é mãe.Parabéns amiga!!Sucesso no blog!!

Quero aproveitar a onda de selos e premiar um outro blog: www.tatianaescreve.blogspot.com
O blog da minha amiga Tatiana!!Amo cada momento que ela esboça e o reflete em textos!Vale a pena dar uma conferida!!

E ao ganhar um selinho, rola uma brincadeirinha que responderei abaixo! 

1) Nome completo:  Raquel Silva Schuindt Lima

2) Um item de maquiagem que fez parte da minha infâcia?
Eu não era muito ligada nessas coisas de maquiagem não,mas gostava muito daqueles batons que tinham cheirinho de frutas,os de uva principalmente.

3) A primeira tintura ou corte radical que voce fez no cabelo, se possível colocar fotos.
Nunca pintei meu cabelo,mas já fiz cada cagada nele com a tesoura...rs Infelizmente não encontrei fotos da primeira cagada que eu fiz na minha franja.Sorte a minha,porque iria queimar meu filme legal aqui...rs

4) Música que marcou minha adolescência?
Eu era uma adolescente mega romântica,então eu não tive uma música que marcou,mas sim várias bandinhas e grupos que eu me inspirava e suspirava,como os Backstreet Boys,N'sync , Westlife,BlackStreet e é claro,Sandy e Junior.

5) Seu esmalte favorito?
Simplesmente AMOOOO esse esmalte!!Acho ele lindo!!

6) Sua peça de roupa favorita? Uma boa calça jeans!

7) Qual a cor de batom que voce mais usa?
Eu não sou de usar muito batom não,mas quando uso é aquele mais natural possível.

8) Uma foto sua:
Eu ando com essa foto pra cima e pra baixo...me acho tão bonita nela,me acho alegre,me acho magra,meu cabelo está liso...rs 


Bem,é isso pessoal!!Tomara que eu ganhe meu segundo selinho e possa contar mais novidades pra vocês...hahaha


Bjs, Raquel Schuindt

Pra quem entende...

Dentre tantos,lá estava
Alguém que eu nunca vi igual
Por fora tinha beleza,como a de muitos outros
Por dentro tinha mistérios,surpreendia no olhar

Completava com aquele sorriso amarelo
Meio sem jeito,puxando o canto da boca
Era feito de detalhes
E só quem entendia era quem sabia amar


Em cada palavra dita
era preciso ouvir além
escutar o que se dizia nas entrelinhas
Dali tudo tinha sentido


Seus movimentos embalavam a todos
quando dei por mim,percebi,
lá estava eu dançando espontaneamente
Cada vez mais perto e era isso o que eu queria


Mas de repente...um silêncio!
Entra em cena um novo acorde
e esse eu ainda não aprendi
e como pedirei pra me ensinar?


Já não consigo ser tão espontânea assim
Ritmos novos passam a me confundir
Sinto vontade de dançar,mas meus pés param
Eles travam por não conseguir encontrar os seus


Não que seus pés estejam distante,pelo contrário
Eu ainda consigo os ver
Mas a melodia ficou tão alta
Aguçando o som da sua voz


E como entenderei suas canções assim?
Como vou perceber o que se diz nas entrelinhas?
Sim,eu ainda posso ver seu sorriso tímido
e os mistérios ainda estão lá,escondidos...


(Raquel Schuindt)







Monólogo faz bem!!

Monólogo faz bem!!
Não esconda suas palavras...
Back to Top