2

Sei lá...

Criei isso aqui pra me sentir melhor,fazer um monólogo mesmo,sem mais...
E hoje é um dia desses,em que eu realmente preciso 'monologar' assim as coisas aparentemente ficam melhores...mas na verdade,acho que é só aparentemente mesmo...
Eu tenho uma facilidade enorme de oscilar nas minhas emoções,uma hora estou radiantemente feliz e do nada,me bate aquele 'sei lá...' que vem não sei de onde e me deixa assim...estagnada!
Ah,como eu queria ser como o vento algumas vezes,ele tem a liberdade de ir e vir para onde quiser,percorre o infinito,de uma forma tão suave,tão sublime e tão única!
Aqui vai uma poesia espontânea,mas que me acalma...


Sei lá...


Só posso ser dona de mim 
e nem sempre essa dominação me convém
o meu pensamento me trava
e me faz percorrer aonde eu não quero


eu desço em lugares escuros e frios
depois, vou de encontro ao céu,me aqueço com o sol
que me envolve e me leva as alturas
antes nunca vivida,porém sempre desejada


mas percorro tanto que já nem sei mais onde estou
e tudo o que me resta nesse momento é um "quê" com jeito de "aonde"
e quem não entende mergulha em borbulhas de interrogações
pois já não é permitido questionar aquilo que todos duvidam


e de encontro ao céu,misturada no sol
eu me deparo com o mar
de longe deslumbra,enlouquece
mas de perto assusta,tem mistérios...


e eu volto a tentar me imaginar
e me pergunto em que lugar eu fui parar
nem eu posso responder a tantas perguntas que me faço
e assim eu vagueio do leste ao sul


Sim,as direções já não tem mais sentido algum
e o que me resta no momento é tornar a caminhar
por uma trilha árdua e longa
da qual eu não faço idéia do que eu posso encontrar


mas percorro mesmo assim
tem algo batendo aqui,bem dentro de mim
e por mais que me assombre,me assustem,ou me façam duvidar
eu vou continuar a caminhar,como?!?Ah,sei lá...


(Raquel Schuindt)







2 comentários:

furabolocontato disse...

nesses dias, a gnt tem q respirar bem fundo, e lembrar de todas as coisas boas que nos cercam. assim alcançamos a liberdade do vento, e a plenitude da razão.
"amigo estou aqui...." rsrsrsrs O jaoquim canta isso pra mim, e eu canto isso pra vc!! =)

Tatiana M. Leal disse...

Falou tudo! E amei sua comparação com o vento... Acho que acabo de criar uma nova ambição: ser vento! haha

Postar um comentário

Monólogo faz bem!!

Monólogo faz bem!!
Não esconda suas palavras...
Back to Top